CFM quer ajudar a escoar a produção nacional

2020-05-24

O Caminho-de-Ferro de Moçâmedes, que circula em várias províncias do país, garante estar preparado para eventuais solicitações de produtores agrícolas para o transporte da produção local, agora em fase de colheita.

A garantia foi dada pelo presidente do Conselho de Administração da Empresa, Daniel Quipaxe. O responsável asseverou que a empresa já está a sondar os produtores para a possibilidade de operar no transporte da produção ao longo da linha.

Nos últimos 21 dias, o CFM carregou cerca de 14 mil 440 toneladas de carga no troço Lubango/Namibe e vice-versa.

Partilha nas redes sociais: