Fim do trabalho de proximidade desenvolvido na província de Cabinda, pelo Ministro da Economia e Planeamento, Sérgio dos Santos.

2021-04-15

Ao longo de três dias, o Ministro trabalhou, dia e noite, nos municípios de Cabinda, Buco-Zau e Belize.

Durante a sua jornada, Sérgio dos Santos esteve em contacto com projectos em desenvolvimento na província, dedicados à produção de café, cacau, papel higiénico, guardanapos de papel e engarrafamento de água de mesa.

O governante, sempre acompanhado pelo governador de Cabinda, Marcos Nhunga e pelos Presidentes dos Conselhos de Administração do Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA), António Sozinho e do Instituto Nacional de Apoio às Micro, Pequenas e Médias Empresas (INAPEM), Arnito Agostinho, assim como, pelo coordenador do Fundo Activo do Capital de Risco de Angola (FACRA), Teodoro Poulson, trabalhou também em projectos de criação animal, pertencentes a ex-militares, que tiveram o apoio do governo da província de Cabinda, no âmbito do programa de luta contra a pobreza.

Integraram também a comitiva do Ministro da Economia e Planeamento, mas com missões diferentes, a Directora Geral do Instituto Nacional de Estatística (INE), Chaney John e o Director Nacional do Gabinete de Políticas de População, Adriano Celso Borja.

No âmbito das estratégias e metas do INE, Chaney John, foi verificar as condições para a execução do Recenseamento Agro-Pecuário e Pescas (RAPP) e preparar as condições para o Recenseamento Geral da População e Habitação de 2024.

Por seu lado, o Director Nacional do Gabinete de Políticas de População, Adriano Celso Borja desenvolveu um conjunto de actividades no âmbito do Programa de Reconversão da Economia Circular.

Partilha nas redes sociais: