Ministro Critica Desvalorização da Produção Agrícola do Cunene

2021-03-20

O dirigente fez estas declarações no decurso de uma visita de trabalho à província do Cunene, que durou três dias.

O Ministro da Economia e Planeamento, Sérgio dos Santos, lamentou o facto da produção agrícola da província do Cunene não ser valorizada, por altura da aquisição de bens para acudir às vítimas da seca e outras emergências no país.

"Estamos preocupados com o facto destes produtores não serem considerados, uma vez que existem grandes quantidades de bens em stock. É preciso que se comprem estes produtos, de modo que os fazendeiros tenham acesso ao mercado de venda”, enfatizou o ministro.

O ministro constatou o armazenamento de grandes quantidades de milho nas áreas de produção agrícola nas regiões de Chivemba e Calonga à espera de escoamento, tendo questionado o facto de a comida para as vítimas de fome ser adquirida noutras regiões, com elevados custos de transportação.

Na fazenda Lumbamba, por exemplo, estão armazenadas três mil toneladas de milho. A mesma possui ainda uma moagem com capacidade de produção de 25 toneladas/dia, comercializada nas províncias da Huíla, Namibe, Cuando Cubango e Benguela.

Partilha nas redes sociais: