O Secretário de Estado para o Planeamento, Milton Reis, procedeu hoje a entrega da cópia legal das primeiras edições dos estudos de 4 cadeias de valor do PRODESI à Directora Geral da Biblioteca Nacional, Diana Afonso Luhama.

2020-08-06

O Secretário de Estado para o Planeamento, Milton Reis, procedeu hoje a entrega da cópia legal das primeiras edições dos estudos de 4 cadeias de valor do PRODESI à Directora Geral da Biblioteca Nacional, Diana Afonso Luhama, acompanhada pela Secretária de Estado para a Cultura, Maria Piedade De Jesus. 

Os quatro estudos entregues são referentes aos sectores Turismo, Recursos Geológicos, Pescas, Têxtil, Vestuário e Calçado.

Depois da entrega, Milton Reis, visitou algumas áreas de trabalho da biblioteca com destaque para a zona onde é feita a encadernação dos diários da república, dos títulos diários dos jornais. O Secretário de Estado passou também pelo depósito, espaço onde estão acervados mais de 100 mil títulos das diferentes áreas do saber.

Depois da visita à Biblioteca Nacional, Milton Reis seguiu para a Mediateca de Luanda, onde fez a entrega dos recém-publicados estudos ao Director Geral da Rede de Mediatecas de Angola, Bengui Sauca. Testemunhou o acto o Director Nacional para a Cibersegurança, Hectiandro Mena.

A Rede de Mediatecas de Angola é um projecto do Executivo angolano que visa dotar o país de um conjunto de infraestruturas que permitam apoiar a população a nível da educação, tecnologia, ciência, cultura e arte.

As mediatecas apresentam uma evolução das tradicionais bibliotecas, incorporando as tecnologias de informação e a digitalização à cultura já existente, tendo como objectivo incentivar e massificar o uso dos meios informáticos pela população, como meio de pesquisa e fonte de conhecimento.

Durante a visita que efectuou as duas unidades bibliotecárias, o Secretário de Estado do Planeamento fez saber que o objectivo da entrega destes estudos é de disseminar as informações nelas contidas, de formas a que os estudantes, os empresários e a sociedade no geral possam encontrar nestes materiais de apoio uma ferramenta de consulta.

Partilha nas redes sociais: